Site Oficial do Grupo Zaatam

Photobucket

Janeiro 01 2011

 

O grupo "Zaatam" - teve o seu aparecimento em 1996, mas só em 27 de Janeiro de 1998, por Escritura Pública, é oficialmente constituída a Associação - Zaatam - Grupo de Recolha e Divulgação de Música Popular de Sátão. Trata-se de um grupo de recolha e divulgação da música popular portuguesa, com destaque para a música tradicional do concelho de Sátão e da região em que está inserido. A função do Grupo não é apenas a recolha dos cantares alegres, tristes, meigos e sadios que brotam da alma colectiva de um povo, mas dar a conhecê-los ou, porque não, reavivá-los através dos instrumentos musicais tradicionais com destaque para os realejos ou harmónicas, bandolim, viola, cavaquinho, flauta, bombo, ferrinhos... As recolhas são ouvidas, gravadas e trabalhadas pelo grupo quer a nível de tonalidade quer a nível Apesar da sua curta história, o grupo tem respondido às solicitações que lhe têm sido dirigidas um pouco por toda a região e pelo País, contando já com um número assinalável de actuações, assim como quatro deslocações a França. Organiza desde 1999 Encontros de Cantadores de Janeiras. Organiza desde 2004 Encontros de Música Tradicional Portuguesa De salientar a gravação de um primeiro CD "Da minha Terra"onde está registado o repertório mais significativo e que teve o seu lançamento em Agosto de 2001. Posteriormente em Junho de 2008 lançou o seu segundo trabalho, um CD duplo, comemorando o seu 10º Aniversário. intitulado " De Porta em Porta" Tanto o primeiro como o segundo trabalho encerram canções baseados em melodias populares da região em que está inserido, todos eles com arranjos do Grupo. Participação no programa Praça da Alegria da RTP1 em 16 de Novembro de 2001 e 20 de Agosto de 2004, e no programa «HÀ VOLTA» em Agosto de 2008.Participação na ANTENA 1 no Programa Cantos da Casa em Abril de 2009. O Grupo, tem sede em Sátão em instalações cedidas pela Casa do Povo e presentemente, é constituído por 12 elementos.

Os Narcisos existem, como Associação devidamente registada, desde 1997.Tal como os «narcisos» (singelas flores) brotam espontaneamente na Serra da Estrela, assim nasceu o grupo na Vila de Manteigas.Os elementos são polivalentes, já que além de cantarem, também tocam mais do que um instrumento, desde o acordeão, viola, bandolim, cavaquinho, banjo, além da percussão onde existe o bombo, pandeireta, reco-reco e ainda outros instrumentos típicos da região como o adufe e as pinhas.Os objectivos do Grupo são valorizar e divulgar a boa e tradicional música portuguesa, cantando cantigas de todo o país e fazendo recolhas na comunidade manteiguense.Tem participado em inúmeras actividades, desde actuações em festas, animação de grupos, participação em festivais, encontros de música tradicional portuguesa (em Manteigas, em diversos pontos do país e estrangeiro). Publicou um CD intitulado “Serões d’Aldeia”, composto por 13 temas. O grupo tem sofrido várias mudanças a nível da sua constituição, ao longo da sua existência (com a entrada e saída de vários elementos), mas conseguiu superar todas as dificuldades, continuando a atingir os objectivos propostos, com muito entusiasmo e alegria.

O Grupo Regional "TERRAS DE PENAGUIÃO" foi formado em 1984, como rancho folclórico, tendo em 1998 sido reformulada a Direcção,  extinto o rancho e criado o grupo de cantares, com o intuito de criar um reportório que desse a conhecer as recolhas musicais que se fossem efectuando na nossa região, o que acontece até aos dias de hoje. Em 2009 gravámos o 1º. CD, intitulado " NO ALTO DE SANTA MARTA SE AVISTA PENAGUIÃO". Também em 2009 foi criado no seio do Grupo o grupo de fados com o mesmo nome, tendo como objectivos a médio prazo gravar um CD de fado. O grupo é formado por 15 elementos dos 10 anos aos 65, todos residentes no Concelho de Santa Marta de Penaguião.

O Grupo de música tradicional Trovas da Beira nasceu em 1999, sendo mais uma das muitas iniciativas do Clube Desportivo Estrelas de Pinhel (CDEP). Para além de ocupar os tempos livres daqueles que aderiram ao projecto, o Trovas desde cedo ,definiu algumas linhas orientadoras da sua actividade fazer recolhas de músicas e cantares tradicionais da região, preservar a cultura o saber dos seus antepassados, representar a cidade e o concelho de Pinhel. Objectivos que, no entender do grupo, têm sido alcançados...

O Trovas da Beira é formado por 12 elementos, distribuídos por vozes, violas (braguesa, ritmo e baixo), cavaquinho, bandolim, concertina, bombo e ferrinhos. O grupo interpreta cantares e música tradicional da região, bem como alguns êxitos de outras regiões do país. Aos mais velhos traz a recordação, aos mais novos o conhecimento.

 

 

 

 

 

publicado por Administrador às 22:42

Grupo de Recolha e divulgação de Música Popular de Sátão
Novos Visitantes
free counters
Janeiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
14
15

17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


Online Neste Momento
Publicidade

RADIOSATAO

 

 

Photobucket

 

 

 

 

ZEROZERO

 

 

 

Image Hosted by ImageShack.us
pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO
Visitas
Academias
Contador de visitas